Artigos


Peru e a Alta Gastronomia

21.10.2008


         Em Julho de 2007, recebi a missão de projetar o primeiro restaurante peruano do Recife, o Chiwake, filho primogênito e pródigo do excelente Wanchako, em Maceió.
         Como parte desta demanda, estava uma viagem ao Peru, para coordenar o definir a escolha dos objetos e acessórios a serem utilizados na decoração do restaurante.        
  Chegando a Lima, uma grata surpresa:
          - Uma metrópole linda, rica em arquitetura, arte e ótima comida. Nada como unir o útil ao agradável!
            Visitamos os melhores restaurantes da capital peruana, entre eles a Cebichería La Mar, do renomado Chef Peruano Gastón Acurio, um dos precursores da culinária Nikkei no mundo, e o Pescados Capitales.
            No bairro deMiraflores, me encantou a arquitetura das casas e mansões. Nítida a influencia ibérica, com forte uso da cor, predominância de cheios sobre vazios, muros, frontões e portas com adornos trabalhados em pedra, madeira e metais.
            Impressionante no mercado de “artesanías” de Lima, a variedade e qualidade do artesanato nas mais diversas matérias-primas, metal/madeira, tecido/couro e argila.
           Cada região do país é mais forte em uma área específica e trouxemos na bagagem pratos de chulucana, objetos de terracota, madeira, máscaras de metal de ayacucho e tapeçarias de Pisac, povoado próximo a cidade de Cusco.
         Adotamos no projeto a decoração com a riqueza da arte e cultura como pano de fundo para a diversidade gastronômica daquele país.